Homem confessa ser o assassino de radialista de Bezerros

Um homem se apresentou na noite desta quarta-feira (23) ao Ministério Público Estadual, no Recife, dizendo ser o assassino do radialista José Givonaldo Vieira. A vítima era editor do jornal Folha do Agreste e da rádio Bezerros FM. O crime aconteceu em dezembro de 2009.

De acordo com informaçőes do blog de Inaldo Sampaio, José Clemildo Bezerra estava acompanhado dos advogados. Ele teria pedido para se apresentar no Recife por que, segundo ele, correria risco de morte se o fizesse em Bezerros.

Ele foi apresentado ao procurador de Justiça Fernando Barros Lima e após prestar depoimento foi recolhido ao Cotel onde ficará ŕ disposiçăo da Justiça.

A Polícia Civil designou, oficialmente, quatro delegados para apurar as investigaçőes . A delegada Josineide Confessor, do Departamento de Homicídio e Proteçăo ŕ Pessoa (DHPP), foi designada oficialmente pelo subchefe da Polícia Civil, Francisco Jardim, para comandar as investigaçőes. Ela terá o apoio de outros tręs delegados: Leidimar Almeida, Walcir Martins e Antônio Carlos Gomes e Câmara.

Anteriormente, especulava-se que as delegadas Silvana Lelis e Érica Bezerra assumiriam as investigaçőes, por terem realizado as primeiras diligęncias. De acordo com a assessoria de comunicaçăo da Polícia Civil, elas fizeram os primeiros levantamentos, por terem experięncia neste tipo de crime, até a nomeaçăo oficial, que ocorreu nesta tarde.

O governador Eduardo Campos foi a Bezerros, acompanhar o enterro do radialista, e cobrou rigor nas investigaçőes. Em nota, ele afirma que só dará o processo por encerrado quando os culpados estiverem presos.

O enterro foi no cemitério de Santo Amaro, também na cidade. Diversas autoridades, entre as quais o governador Eduardo Campos, participaram da cerimônia.

O crime aconteceu em frente ŕ rádio Bezerros FM, de propriedade da vítima. Ele ainda foi socorrido para o hospital da cidade e depois para o Hospital Regional do Agreste, em Caruaru, mas năo resistiu aos ferimentos causados pelos tręs tiros.

Além da rádio, José Givanaldo Bezerra também era dono de um jornal, de uma produtora e de uma banda de forró.

Do Bezerros Hoje

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: